domingo, 20 de setembro de 2015

4 Resenha: Leave-In BB cream Hair da Inoar


500ml de creme sem enxágue que promete ajudar a corrigir imperfeições do fio, brilho instantâneo e maciez. Reduzir frizz, combater ressecamento e envelhecimento também. Indicado para tooodos os tipos de cabelos.
Resolvi experimentar por indicação da vendedora da Léo Cosméticos por ser um BBcream de cabelos e por me dar bem, em geral, com produtos que não são ESPECIFICAMENTE direcionados a cabelos cacheados. Na verdade o contrário nunca me favoreceu. Ativador de cachos, no meu caso, "desativam". Meu cabelo apesar de ser bem cacheado prefere produtos para cabelos normais. (Alguma coisa aqui tem que ser normal ne, pelamor...)

Vamos aos testes:

Cheguei em casa e corri testar. Cheiro ok, meio adocicado, lembra a colônia Wish da finada Akakia que agora está na Água de Cheiro. Aquele perfume popular, comum que muitas empresas brasileiras usam. Mas não é ruim. Aguentável. Não doeu minha cabeça.

Meu cabelo está sem corte e andou bem sem vida há uns meses atrás. Mas uma coisa é certa: Gosto de produtos leave-in, sem enxágues, pomadas e óleos (quando incríveis como o Elixir Oro Fluido). A expectativa era essa, de dar brilho e controlar o frizz, portanto nesse quesito eu gostei.
Algumas amigas ficam confusas com o resultado porque usando shampoo de uma linha, condicionador de outra, hidratação profunda... Como saber se o resultado positivo foi do finalizador?
Simples: O cabelo sem fica bom, com melhor ainda. Já aconteceu de eu usar shampoo, creme, tudo maravilhoso e na hora do finalizador "zikar" e parecer que seria bem melhor não ter aplicado. Sim. Quando o leave-in não é bom, não se adapta ao seu tipo de cabelo, pode usar o melhor shampoo que você saberá que é ruim. O finalizador deve somar com os outros produtos, e não brigar. No momento estou usando shampoo Racco (nas próximas postagens vou resenhar), banho de creme Bio Extratus Jaborandi (muito bom, resenha futura) e o maravilhoso creme de tratamento intensivo Racco que fiz resenha recente AQUI.

Meu eixo comparativo: o creme sem enxágue de costume Alfaparf e Altamoda. O INOAR teria que ser igual ou melhor.

Na primeira tentativa não gostei. Achei que arrepiou mais do que se não tivesse aplicado.
Dei uma segunda chance e percebi que ficou macio, sem brilho.
Terceira tentativa, achei os fios um pouco ásperos.
Quarta tentativa e a mais feliz: Realmente conferiu um super brilho e macies. Nada de frizz! Li algumas resenhas negativas dele, outras positivas...
Agora um ponto que observei: Não favoreceu meus cachos. O que gosto do Alfaparf para cabelos normais é que ele dá brilho, trata, controla frizz, dá volume na medida, tudo, sem esticar meus cachos, mantêm natural. 
Já este BBcream Inoar se eu prender o cabelo, ele alisa. Mas não alisa bonito, meio que "estica", destrói meus cachos. Para isso não acontecer preciso deixar o cabelo solto e na aplicação amassar para cima o cabelo. Pode ser o ar seco que está aqui no Paraná. Em cabelos lisos e ondulados sem química acredito que fique muito bom.
Não é como o Altamoda que reaplico várias vezes ao dia. Quando reapliquei, o cabelo ficou esquisito. Como eu disse anteriormente, ele trata, dá brilho, não é pesado, mas para cachos, acho que não é tão bom.
Embalagem: Bonita, resistente. Aplicador bem legal.

Veredito final: É um bom produto? Acredito que sim. Não recomendaria para cabelos com química ou cabelos mais crespos. O ponto positivo forte é tratamento. Ele deixa o cabelo macio, brilhoso.
Compraria novamente? Não. 
Apesar de ter gostado, é um produto Ok. E a diversidade é grande.  Para valer o repeteco tem que ser incrível e achei ele caro pelo benefício. Pela quantidade 500ml é um preço bom, Mais de 40,00 reais. Mas com esse valor eu prefiro o Altamoda que é sublinha Alfaparf e custa 13,90 reais.
Me arrependi? Um pouco. Mas valeu para conhecer. Minha meta futura é experimentar novas linhas bem recomendadas pelo meu cabelereiro expert Scoponi, especialistas, amigos que entendem de tratamento e não apenas estética superficial. 

Lorota: A vendedora falou que Inoar não é brasileira, é importada. Aham. Jardim Três Marias-SP, ABA cosméticos. Sei... Fiquem atentas meninas. Leia a embalagem antes de comprar. Hoje em dia blogueira sabe mais que vendedores de cosméticos. Depois que fucei sobre a Inoar encontrei muitas boas resenhas. Fica a dica. 

Imagens: Arquivo pessoal Tralala da Suzue

4 comentários:

  1. Estou precisando comprar um trem desse!!!! Vou de Altamoda

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso miga! Altamoda eu agarantchu, rsrsrsrs bjuuu

      Excluir
  2. Nossa nada a ver vc dizer sobre o endereço da Inoar, é sim importado, mas como mtos produtos importados eles tem uma filial em certos países... É o mesmo que um Chileno dizer que a Natura não é brasileira só pq nos produtos que a Natura distribui por lá não está com endereço do Brasil... Coisa que que uma blogueira cosmeteira deveria saber!
    Mas vamos ao leave-in... Achei muito bom para o meu cabelo recomendo! Cheirinho suave e bom para quem faz escova e prancha!

    ResponderExcluir
  3. Nossa nada a ver vc dizer sobre o endereço da Inoar, é sim importado, mas como mtos produtos importados eles tem uma filial em certos países... É o mesmo que um Chileno dizer que a Natura não é brasileira só pq nos produtos que a Natura distribui por lá não está com endereço do Brasil... Coisa que que uma blogueira cosmeteira deveria saber!
    Mas vamos ao leave-in... Achei muito bom para o meu cabelo recomendo! Cheirinho suave e bom para quem faz escova e prancha!

    ResponderExcluir

Deixe aqui seu comentário!