terça-feira, 30 de julho de 2013

10 Necessaire básica: A nova TAG do Tralalá


Clica que aumenta!

A ideia desta tag é ajudar quem me pede ajuda. Dã!
O que parece óbvio para algumas afundadas no mundo da maquiagem há anos como eu, pode não ser tão simples assim para outras... E é por isso que o Tralalá existe.
Eventualmente postarei na tag "Necessaire básica" dicas pra você que tá começando neste universo ter opções de produtos sejam nacionais ou importados...
Nunca podemos esquecer que devemos conhecer nosso tipo de pele: oleosa, seca, mista... E nossa rotina: make trabalho, balada, eventos... Tudo isso antecede a montagem do kit básico. Mas graças a Deus existem boas opções a nosso alcance, sem ter que esperar chegar dum catálogo, site ou Paris.

Base: Revlon Color Stay : Acho ela legal porque tem para pele mista, seca, oleosa... E a cobertura é muito boa. O preço fora do Brasil é melhor, se for pro Paraguay aproveite... Mas se precisar com urgência e o valor não ultrapassar uns R$50,00 ainda vale a pena perto de outras nacionais caríssimas como Make B (argh).

Corretivo Tracta : Não é o melhor do mundo, mas dos nacionais é um digno. Ele é líquido e isso ajuda a não marcar as linhas de expressão.

Pó: Koloss é meio seco, mas bom para a zona T. Ele não é pesado e é de preço muito bom. A embalagem é fraca, mas vai do seu cuidado e rotina. 

Sombras: A opaca é a famosa Cinabar Mary Kay. Recomendo ela porque é um marrom bonito e serve de pano de fundo para outras cores. A segunda opção é da Intense #37, um taupe bonito e básico. Dá pra sair linda só com essas cores.

Blush líquido Intense: Ele parece um vidrinho de esmalte,rs. Tem preço camarada e é perfeito pra dar um viço de saúde, base de blush compacto, eu gosto demais dele. Só precisa treinar a aplicação. Mas é fácil. Basta "riscar" no rosto e imediatamente espalhar.

Lápis de olhos preto carbon Dailus Pro: Mostrei ele no blog já, tem preço muito amigo (entre 8 a 11 reais), dura muito, é bem preto e dos nacionais ele tem conquistado um bom lugar no ranking. 

Blush Fenzza: A Fenzza é uma marca de farmácia, camelódromo, bazar, quitanda, barraca... Ela conquista por ter boa pigmentação e não pinicar, pelo menos eu. Os preços são inacreditáveis, tem sombra de 2 reais, blush de 8 reais... Especialmente os blushes cintilantes que valem como iluminador+blush são realmente bonitos. Vale a pena experimentar. 

Máscara de cílios The Colossal, Maybelline: É um luxo esse rímel por um preço camarada. Eu pago em média R$18,00 nele e não troco por outras gringas que custam dez vezes mais. 

Batons:  Sei que não apareceram na foto, mas não vejo motivos pra você não experimentar batons Koloss, Vult, Intense, Maybelline matte e Duda Molinos! Se joguem! :D

É isso meninas! Comecei a tag com sugestões econômicas! A pele da gente sempre merece mais atenção. Itens que valem a pena investir : Base. De resto podemos nos divertir no mundo BBB... Com muito cuidado, é claro. :))

Beijo!
Suzue
Imagem: Reprodução e arquivo pessoal

Nota: Todos os produtos sugeridos foram testados e aprovados. Muitos deles ainda estão em uso e bom uso, diga-se de passagem! 

quarta-feira, 24 de julho de 2013

8 Resenha: Delineador gel da Vult preto

A embalagem é bem bonitinha. Mas foi inspirada nos modelos importados, imagino eu. Vejam a Model Co, marca gringa que há muitos anos lançou este gel eyeliner:

O pincel aplicador que acompanha o produto é digno. Bem gostosinho de usar, tranquilo... Mas se como eu você gostar mais de um pincel chanfrado ou bem fino, se joga. O chanfrado dá mais segurança e precisão. O fino é mais pra imitar efeito de lápis e para as mais habilidosas rende bons traçados também.

A textura é bem interessante. Não fica aveludado como o Fluidline, mas fica opaco. Não sei se é porque tá um frio de lascar aqui no sul, mas ele secou rápido quando apliquei, sem ficar devendo nada. Não é nada semelhante ao chingling da Coastal Scents (horrível e fedido). E achei superior ao Make B. 
Uma amiga querida comprou o da Mary Kay e eu pude testar. É bom também, mas achei o Vult melhor e por um preço bem bem mais amigo. 

Dá pra esfumar, fixa super bem. Não borrou em mim (preciso testar no verão, pois aqui está frio pra chuchu). A cor é muito boa, bem pretinha mesmo.

Achei bem legal a ideia de carregar o pincel junto. A gente até esquece que ele está lá.



A quantidade do Fluidline M.A.C é de 3g. Da Vult 2g.  Mas pra quem tá começando e não encontra fácil pra adquirir um da Maybelline (excelente qualidade e preço nos E.U.A) é uma ótima pedida nacional.

Fiz um tracinho básico para testar e gostei muito do tom de preto dele. Diferente do Acqua Color da Catharine Hill que era um antigo "Severino quebra-galho" este delineador em gel da Vult é muito digno mesmo. Dá pra brincar um monte com ele. Testei na linha inferior e esfumei com cotonete também e ficou muito legal.
Como eu disse no post, tá muito frio no sul. Pode ser que a baixa temperatura colabore e minha pele é normal. Mas eu sinceramente gostei muito do produto. Acho o da Make B despropositado no preço pela qualidade mediana. 
O da Mary Kay é legal, mas pelo valor eu recomendo o Fluidline M.A.C mesmo. 


Bem é isso! Se você testou, conta mais pra gente!

Beijo.
Suzue



Imagens: Arquivo pessoal

sábado, 20 de julho de 2013

6 Resenha: Iluminador líquido Intense, Boticário


Por um precinho mais amigo, um iluminador líquido nacional digno.
A Intense lançou recentemente (chegaram às lojas no dia 16 deste mês, aqui em Londrina praticamente acabou de chagar...) um iluminador líquido semelhante ao famigerado High Beam da Benefit.
Não tenho o high beam e nem quero ter por enquanto porque é um tipo de produto que uso pouco, eu já possuo um mini da mesma marca, mais suave o Girl Meets Pearl e uso tão pouco... Aliás, a duração é mínima: 6 meses de validade! Tai um bom exemplo de produto que não se deve acumular. Jamais.
Esta versão nacional é bem interessante. Suave, cheiro agradável tal qual o blush líquido também Intense e o preço bem amigo: R$22,00.
Digo “amigo” porque um da Benefit na Sephora sai por R$129,00 o tamanho regular. Hahaha! O valor real dele em sua terra de origem: $26.00. Dá vontade de rir de nervoso, mas é a realidade. Fico mais chocada ainda com o valor do Benetint na Sephora, por R$149,00! É a mesma coisa do Intense (acho até melhor o nacional). Literalmente paga-se a marca. Mesmo quem compra por um preço menor, ainda acho caro. A qualidade dos importados pode ser superior, mas pelo "valor de uso", no meu caso, não faz diferença neste momento.

Bem, vamos ao foco do post: Iluminador líquido Intense

Embalagem: Vidrinho parece esmalte. Idêntico a embalagem do blush líquido da marca.
Aplicador: O meu veio espanadinho já. Não gostei, mas não odiei. Dá pro gasto.
Fragrância: Suave... Lembra doce, shampoo de criança... Quase idêntico ao perfume do blush líquido da marca.
Quantidade: 12 ml
Fixação: Suave/boa. 
Duração: Não posso avaliar porque não testei sozinho ainda. Mas com o make completo durou bem umas 5 horas.
Textura: Líquido pastosa. É meio estranha de se ver. Boa. Gostei por ele ser suave, discreto. Não é do tipo “oi, iluminei até a mãe”. Tá mais próximo do iluminador discreto da Duda Molinos. (Falando do pó compacto mesmo)
Dá pra usar de dia? Tranquilo. Bom, eu sou suspeita, pois gosto do efeito glow na pele durante o dia e noite. Mas dá um viço de pele saudável. Tive uma base no passado que em toda sua composição esse glow aparecia... Aplicava-a apenas em pontos estratégicos. O de bacana que constatei por ser suave este iluminador é exatamente a versatilidade de uso. Dá pra trabalhar na pele toda sem medo, já que é discreto.
É um produto incrível?
Não ne gente. É um “fofinho nacional” eu diria. Se você esfregar muito na mão, pra testar, ele meio que some. Mas fica aquele glow bonito. No caso do meu subtom amarelado de pele, cairia melhor um iluminador mais puxado pro bege sabe... O fundinho perolado rosado dele não me agrada 100%. Mas dá tranquilo. Eu dou minhas adaptadas! Fato que eles futuramente poderiam oferecer novas tonalidades, pensando nas morenas, negras... Já pensou? Puxado pro bege, dourado... Iria amar.
O da Yes!Cosmetics apareceu bastante por ai, mas como não chegou à minha cidade, nem quis testar... Uma amiga falou que não é lá essas coisas. Mas eu desconfio que a fórmula seja parecida sim.
Onde gosto de aplicar em mim: No C invertido do rosto mesmo, no M labial, no alto da sobrancelha... Mas é na lateral do rosto que fica o glam mesmo. Gosto dali.
Pra você que tá começando nessa de "quero glow de pele de rica", ou quer uma pele especial em dia de festas, é uma boa pedida viu! Mas tem que lembrar de usar. Não pode engavetar que estraga. Na caixinha a validade é de até junho de 2015. Grande mentira. Nem fechado dura tudo isso. Mas, aberto, não passa de 6 meses, fiquem ligadas.

Afinal, você gostou Suzue?
Olha gente, gostei viu. Não é nada espetacular, duração boa pro meu taco. Eu não espero um produto que dure 12 horas. Por umas 4 horas tá de bom tamanho.
Gostei do cheirinho. A embalagem é vidro, mas tô acostumada com o blush da Intense. Só não aprovei a vassourinha que veio meio escangalhada. 
Foto com flash pois sem, a minha câmera é muito simples, não mostra como fica direito. No rosto fica bem suave, nada de muito perolado graças a Deus, que eu não curto "sombra branca perolada na cara". 

Fácil de aplicar. Nem precisa economizar.


Por mais que se tire "n" fotos, a impressão é de uma luz fotográfica. Mas posso afirmar que ao vivo fica bem legal sim. Como eu disse, poderiam fazer uma versão bege, dourada... Seria mais meu tipo de tom. Mas esse rosado deu tranquilo. 

By: Suzue

quinta-feira, 18 de julho de 2013

4 Testei: Colossal Kajal Maybelline

A gente se deixa levar por um produto oriundo de outro... 
A boa e justa fama da máscara de cílios The Colossal Maybelline é tanta que um lápis preto retrátil com a proposta do rímel fica atraente, pelo menos para mim!
É a curiosidade ou busca por um preto super preto!
Pena que minha expectativa foi maior do que a realidade...

Já adianto que não é um produto ruim. Só não é incrível. 
O lápis Dailus Pro Carbon, por exemplo é de efeito semelhante, porém o Colossal tem acabamento fosco, mais aveludadinho... Isso ganha meu coração de pedra no quesito acabamento, porque sinceramente não gosto muito de lápis ceroso, que fica brilhandinho (leia-se: parece que tá molhado). O Colossal seca rápido sem esturricar. O Dailus, o Toque de Natureza parece que fica lá, mas não seca. Até seca, mas parece que não seca...Sacou?
É um produto mediano eu diria esse tal Colossal Kajal. Não chega muito perto do Smolder, Eye Kohl M.A.C, ou Revlon. Mas é legal sua fixação. Não fica escorregando como o Catharine Hill, Duda Molinos e Make B.
A embalagem é bem fraquinha. Ainda fico com o lápis de madeira. (Refiro-me aos lápis de madeira Maybelline)
Não tirei fotos para mostrar, de propósito. Pois não há nada de diferente para mostrar.
A imagem da modelo é comercial, toda reajustada, como sabem, nada de mega preto. Mas é um pretinho diferente. Digno. Diria simpático!

O que notei de realmente bom:

Dura bem. Preenche bem. Fica um básico firme. Diferente de alguns lápis pretos que na hora da aplicação ficam bonitos, dois segundos depois somem, pipocam, apagam... Parece que você aplicou o Dailus Pro e depois assentou com sombra preta por cima. Ele fica fosco e pretinho. É fofito!
Outra coisa legal dele é que é macio. Não é seco esturricado como o retrátil Express, da mesma marca, que com o tempo vai picotanto em pedacinhos, como chocolate em cilindro. Quebra mesmo. Diferente disso, o Colossal Kajal aparenta durar bem, se usado com delicadeza. Particularmente não curto muito lápis retrátil à prova d'água por ser mais seco ou secar rápido. Este é legal por ser lavável. De repente até tem a versão à prova d'água, mas nem vi.
 O preço também é bom. R$16,00. Comprei na Leo Cosméticos.

É aquela ne...

Se você não liga pro cerosinho do Dailus Pro, é um precinho pra lá de amigo ne, menos de 9 conto. Agora, se você gosta da praticidade de um retrátil + acabamento mais pretinho e fosco, é boa pedida esse tal Colossal Kajal. Só achei frágil a embalagem, pode quebrar fácil no "sacode necessaire", tenho cá minhas dúvidas...

UPDATE: Estou deixando o kajal Colossal direto na necessaire que mora na bolsa porque estou gostando dele mais e mais a cada dia! Ele é macio e esfuma bem. E notei que em ambientes variados com iluminações diversas ele é realmente bem pretinho. Acho que valerá o repeteco! A embalagem é frágil, mas resistiu a alguns passeios! :))

by: Suzue

Imagem: Reprodução

domingo, 7 de julho de 2013

12 Dica para não comprar no impulso

O post de hoje é direcionado a um único produto. Vou citar alguns motivos da não recomendação da aquisição.
O objetivo é de auxiliar compras mais conscientes, livres de arrependimentos e expectativas não contempladas.
Fato é que cada um tem seu gosto. O que brilha para um pode ofuscar para outro. Não é para esculachar um produto. Não. O foco do post é causar aquele conflito de ideias que estrutura melhor sua síntese final: Você pesa pós e contras, analisa benefícios, sua realidade e no final fortalece ou enfraquece a ideia de aquisição do produto.
Tive minha fase impulsiva. Estou aprendendo a me controlar diariamente. Nada fácil tal tarefa... Mas vale a pena refletir antes de sair colecionando coisas que serão engavetadas posteriormente.
Não sou ninguém para criticar alguém. Mas posso compartilhar experiências.

O produto da vez: Paleta de sombras Naked I da marca Urban Decay.

O que me levou a compra: Amigas que elogiavam o produto, boas resenhas na web, minha paixão por sombras neutras, marca famosa de maquiagem, embalagem bonita, promessas de cores intensas, duradouras e, pigmentadas, praticidade em ter cores bonitas em uma só paleta para carregar em viagens, expectativa de encontrar as melhores sombras do mundo, entre outros.
Na prática: No início tudo eram flores. Dava até dó de usar. Embalagem segura, prática, junção de cores curingas pra todo evento. Com o tempo a realidade: Excesso de brilho, duração média, cores neutras nem tão usáveis assim...
Crítica: Excesso de glitter que cai sobre o rosto, falta da cor preta básica, textura acetinada enjoativa, cores douradas muito berrantes, textura macia que pesa um pouco nas pálpebras.
Solução viável à empresa: Oferecer mais cores opacas, zero glitter, com duração melhor e bom esfumado.
Dica para quem está começando neste universo da beleza: Busque resenhas gringas e nacionais. Conheça outras marcas como a LORAC e INGLOT. Não caia nos apelos de moda de blog, frisson passageiro, marketing excessivo, embalagens sedutoras...
Uma crítica à marca em si: A grande maioria de suas paletas de linhas regulares ou edições especiais repetem cores e oferecem texturas semelhantes de um acetinado muito farofento e com glitter.  Preços exagerados. Outras marcas oferecem qualidade equiparável ou superior por preços mais justos.
Um voto de confiança: Para quem gosta exatamente desse tipo de acabamento com glitter, super macias e cintilância poderá gostar.
Minha atual rotina com ela: Faço de tudo para usá-la, pois não curto desperdício. O arrependimento é parcial, pois valeu a experiência. As cores mais utilizáveis são as básicas sem brilho (2) e a iluminadora para o canto lacrimal e alto da sobrancelha. No “M” labial também funciona. Elas são pesadas até para esfumar, mas consigo cobrir o delineado do lápis marrom ou preto para não engavetar de vez. Acho a embalagem uma graça, o que motiva o uso.

By: Suzue

Imagem: Reprodução

segunda-feira, 1 de julho de 2013

8 Batom do meu inverno: URCA, Duda Molinos


Estava procurando um batom escuro diferente. Gosto muito de vermelhos. E nem todos os puxados para o vinho me caem bem.
Foi puro acaso encontrar o Urca, Duda Molinos. Um vermelho mais amarronzado, um tom fechado, mas não tão escuro como os vermelhos escuros comuns.
A principio exitei. Tive medo de não me cair bem. Depois pensei... Pra conhecer é preciso arriscar!
Agradável surpresa!
Ele fica bonito sozinho e lindo misturado com outros vermelhos, como Ruby Woo M.A.C, Intense, Maybelline...
Seu acabamento é sequinho sem ser matte mega opaco.
Duração excelente!
A embalagem é aquela fofa da Duda Molinos, que parece que o batom fica escondido.
Se você curte batom vermelho, comente! Se tem medo de usar, comece borrando de leve os lábios, misturando com nudes... Logo se renderá!

By: Suzue