sábado, 17 de novembro de 2012

20 Resenha: Corretivo Make B anti-aging




Muito bem! Como prometido lá vem eu com mais uma resenha: O corretivo Make B do Boticário que promete amenizar linhas finas e tralalá...
Fiquei curiosa não pela propaganda dele porque com o sr Botica só na filosofia São Tomética mesmo: “vendo BEM de perto pra crer”...
E como pude testar ao vivo, fazendo um make em minha amiga Val, fiquei bem curiosa pra testar em mim e comprei-o-o...
Bora conferir.

De 0 a 5

Textura: 4 Ele é líquido, o que normalmente eu curto, nem áspero como o Full Cover M.U.F.E, nem lisinho como o Helena Rubinstein. Fica mais próximo do Effacernes Lancôme com uma cobertura menor. Achei, particularmente, fácil de espalhar. Mas para quem não está acostumada é melhor aplicar bem pouco e ir construindo camadas. Rende muito.

Durabilidade: 4 É bem ok. Nada excepcional nada tão fraco.

Fixação: 3 Minha maior preocupação é de acumular, marcar linhas... Neste quesito ele é ok, nem fabuloso como o Pro Longwear M.A.C, nem tenebroso como o da Kreati marca nacional. 

Cobertura: 3 Cobertura média. Nada “full cover”, mas para olheiras mega power panda pode necessitar de um corretor prévio.

Embalagem: 5 de 5 Notinha máxima porque o bico dosador é prático, a embalagem num todo é resistente e ótima pra carregar na nécessaire. 

Preço: 2 Eu acho caro para ser um produto ok. Se analisarmos o custo benefício, investiria num da M.A.C  ou Effacernes. Mesmo sendo mais caros duram muito tempo. Paguei R$ 39,99. 

 O flash faz parecer mega claro, mas a cor média foi acertada para mim. São 3 tonalidades disponíveis. Péssimo hábito da empresa.
Parte chata de mostrar. Pessoa sem maquiagem, cansada sem dormir a semana toda por culpa do horário de verão.
Sem e com uma camadinha. Acho ok para dias tranquilos. Em dias de mega panda, duas camadas.
Ignorem a sobrancelha tenebrosa plis, (fotos antes de eu ir na designer) e pronto! Duas camadas esfumadas com pincéis após aplicação com o dedo anelar. 


Eu avalio mesmo nos corretivos duas coisas: Cobertura e linhas. Odeio e desprezo corretivo que acumule, que craquele, que não cobre nada.
No quesito linhas ele durou bem durante umas 3 horas num calor da gota. Mas não dura tanto no final do dia exaustivo de trabalho quanto o Pro Longwear.Sempre finalizo com uma camadinha fina de pó facial (uso o Clinique). Sozinho ele acumula mesmo, mas não me incomoda visto que nenhum corretivo até hoje usado sozinho em mim não acumulou.

Com olhar no NACIONAL x IMPORTADO, na perspectiva “acumular nas linhas” avalio como uma boa opção para quem não faz compras internacionais. Posso até ousar em dizer que, dos corretivos líquidos nacionais até agora este foi o melhor. Mas de TODOS os corretivos que já experimentei na vida, ocuparia um 6º lugar, talvez. Não recomendo para todas, precisa testar na loja bem testado antes de investir. Val e eu temos a pele normal, seca e normal mista. Não testei ainda em peles oleosas. Em temperaturas mais frescas ele se comportou bem. No calor 40 graus nem tanto.

1º Helena Rubinstein
2º Effacernes Lancôme
3º Pro Longwear M.A.C
4º Shiseido em bastão
5º Clinique

  Alguém aí testou este corretivo Make B?

Beijo!
Suzue

quinta-feira, 15 de novembro de 2012

8 FARMÁCIA AMIGA: COMPRINHAS RECOMPRADAS


Oi gente!

O post de hoje é rápido, porém não menos útil... (assim espero)
Amigas sempre me perguntam sobre produtos para a pele, demaquilantes, coisinhas básicas de farmácia com precinho amigo. Então percebi que durante anos a fio tenho comprado e recomprado alguns itens clássicos (tornaram-se MEUS clássicos ne) que não esfolam o bolso de ninguém, são de qualidade e o melhor de tudo: não precisa comprar on line, é fácil de encontrar na farmácia da esquina...
Obviamente que eu não uso apenas estes produtos. Aprecio marcas gringas (falando de tratamento de pele) e quem me conhece sabe bem disso. Até fiz um post no Lov Lilac falando da minha rotina de cuidados com a pele. Se você perdeu clica AQUI.
Mas existem produtos básicos de consumo rápido. Como hastes flexíveis, por exemplo, (leia-se cotonetes...rs). Eu “como com farinha” cotonetes. De tanto usar, cheguei a uma atual conclusão que a marca Bella Cotton é minha preferida por oferecer cotonetes firmes que não deixam fiapos de algodão nos seus olhos (quem usa lentes de contato como eu,  sabe o terror que é receber visitas intrusas de fiapos...).

Vamos então por partes:

1 Desodorante em spray da Dove: É o único que funciona para mim. Não mancha roupas brancas, dura muito e o cheirinho é agradável (pelo menos para mim). (R$ 10,00)

2 Cotonetes Bella Cotton: Além de serem baratos, ter qualidade e serem meus favoritos, ainda aproveito a embalagem (dica da Pri do Tangerina com Pitanga) para guardar batons. Hahahá!
(pago em média R$2,80 no potão, a caixinha sai por uns R$1,10)
 (coloco os favoritos da semana, vou revezando...rs)

3 Bepantol baby: popular na blogosfera tanto quanto o demaquilante shampoo de neném da Johnson. Demorei a aderir porque achava que não faria tanta diferença. E como faz! Meus lábios viviam rachando, seja por frio ou épocas secas como o mês de agosto. Agora não passo mais por este perrengue. Ele chega a lembrar da textura de um hidratante labial mesmo, sem cheiro ruim, rende uma eternidade. Recomendo! (paguei uns 10 reais)

4 Demaquilante bifásico Nívea: Por ele, abandonei o demaquilante ex-preferido Make B  bifásico. O efeito é idêntico, em minha opinião, por um preço bem, bem mais justo. Paguei neste kit promocional na Léo Cosméticos apenas R$14,90. Nem acreditei! Corre lá (se você é de Londrina ou região) e aproveita! O preço normal é de R$ 18,90... Detalhe: A embalagem é meio frágil, por isso reaproveito a embalagem Make B que considero bem melhor. Hehe.

5 Hidratantes corporais Johnson: Baratinhos e ótimos. Tenho outros tantos hidratantes, mas sempre volto neste. Camomila seja lá o que for... As fragrâncias são muito suaves e querem saber? Quando aplico alguém sempre me pergunta que hidratante é! Pensam que é importado... E se uso outro (mais caro até), ninguém nota... 

6 Hidratante Nívea soft: Potinho pequeno, ótimo para viagens. Barato e uso desde meus 17 aninhos especialmente na região da olheira para hidratar bem antes de aplicar o corretivo (caso contrário craquela, marca linhas finas...). Tenho outros tantos cremes para esta região delicada dos olhos, mas na correria do dia a dia acabam e vai que não dá tempo de comprar (atéee comprar....). O soft Nívea é intenso, dá até pra hidratar mãos e cotovelos. Detalhe: não aplico no rosto todo.

7 Já falei deste hidratante da linha Young da Nívea anteriormente. Continuo afirmando: é leve na medida, rende muito e me salva quando acaba Clinique.

8 Ah! O grande achado 2012: Lencinhos demaquilantes Lady Free! Meus favoritos eram Nívea por serem mega hidratantes e removerem até máscara à prova d’água. Mas a Nívea apesar de oferecer produtos com preços acessíveis, meio que “salga” nos lencinhos. Eu acho caro R$21,00 em lencinhos. Sendo que um demaquilante líquido vai durar muito mais. Faço o seguinte: Compro lencinhos Nívea quando viajo, principalmente no inverno. Mas para o dia a dia (da preguiça) vou de Lady Free! Por apenas R$ 2,80 em média, fia, tá na faixa! E a qualidade é excelente. Remove mesmo o make! É um tanto menos hidratado que os da Nívea, mas para peles mistas a oleosas é perfeito. Recomendo.

É isso gente, qualquer dúvida deixe nos comentários e compartilhem suas comprinhas de farmácia também.

Beijo e bom feriado!

Suzue  

segunda-feira, 12 de novembro de 2012

4 Tutorial express: make simples de verão!


Estrelando: sombra rosa e sombra azul!


Verão sem colorido é verão picolé de chuchu!
Make colorida não precisa ser necessariamente um arco-íris na pálpebra, nem Joãozinho 30.
Você pode dar um toque de cor, criar detalhes super fáceis pra dar um “tcham” no seu dia a dia!
Hoje vou mostrar um tutorial express, que fiz por cima do make básico de sempre (pele,  corretivo, sombras neutras...) com um toque de ROSA e AZUL!
Espero que gostem! Bora pro tutorial:
[Para aumentar é só clicar na imagem]

Passo a passo:

  • Pele já pronta, aplico o primer Make B de olhos, bem pouco.
  • Utilizei um pincel língua de gato, próprio para sombra de cerdas naturais, mas com esponjinha também funciona!
  • Reparem que nem fica tão regular, o efeito é corrigido com a sombra marrom opaca! Dá profundidade ao olhar e suaviza o colorido. Esfumo bem no côncavo.
  • Na aplicação do lápis eu já esfumo com o cotonete+sombra azul por cima. Você ganha tempo e o efeito é mais fofo.
  • Opcional: Pontinho de luz no lacrimal. Só pra dar um UP. Usei sombra iluminadora pêssego Artdeco.
  • Rímel: Retoquei a máscara que já estava, acho importante carregar no rímel quando fazemos make colorido pra destacar!
  • Batom nude Blankety M.A.C: Com foco nos olhos, vou de boca neutra.



Você pode aproveitar o que tem em casa, sua sombra azul favorita, sua rosa... Eu prefiro azul escuro e rosa mais pro escuro, pois o rosa claro apesar de delicado, na minha pele meio que me apaga. Mas fique super à vontade para criar o seu look.
O lápis azul que usei é da Contém 1g, mas o da Vult é muito melhor, recomendo o da Vult! Macio e pigmentado. O da Contém é bom, mas é mais caro pelo mesmo efeito.
É sempre bom ter uma sombra marrom opaca média para transição de cor e pele. Cada pele tem a SUA marrom de fusão. Não vou recomendar a minha para todas pois ela é bem suave, em algumas peles ela pode simplesmente “desaparecer”. E a Cinnabar MK por exemplo, pode ficar muito escura para peles mais claras... Logo... Você vai ter que encontrar a sua FIA! Tira a bunda da cadeira e corre pra luta.
Sugestões: Duda Molinos, Mary Kay, cor Naked da paleta Naked da Urban Decay, e tantas outras neutras opacas da M.A.C.
Batom eu gosto de cor neutra para sombra colorida, mas fique na sua, se gosta de boca colorida também não vejo problemas. Eu arriscaria além do nude um rosa mais cor de boca. E um blush mais neutro cai bem, visto que o foco é na cor da sombra. Embora seja um detalhe apenas nos olhos, é bom equilibrar as cores para não ficar OVER. Muita informação polui, pode ofuscar a sua beleza natural. Eu gosto de cores, mas no verão o “leve” vem com toda força na minha vida.


O que usei na pele:

Base Bourjois Healthy Mix Serum cor 52 Vanilla
Corretivo Clinique
Pó facial na zona T Clinique
Bush Revlon Color Stay Petal 20

Complementos/olhos:

Rímel: One By One Maybelline

Boca:

Batom: Blankety M.A.C

Beijo!
Suzue

quinta-feira, 8 de novembro de 2012

6 Batom líquido Lacqua Di Fiori Rosa Chá



Há algum tempinho atrás passeando pelo shopping entrei na Lacqua Di Fiori para fuçar e achei muito fofo este batom líquido. Além de bonito, barato: r$ 19,00.
A própria vendedora o usava na ocasião e resolvi levar para casa. Tinha almoçado fora e estava sem nenhum batom na bolsa...
Como todo batom líquido nacional, a duração não é excepcional, mas aguenta firme por um tempo, suficiente para justificar o preço amigo.
A cor é realmente fofa, fácil de usar e tem um cheirinho delicioso de tuti-fruti.
O que achei interessante é que a tonalidade (não a textura) do rosa dele é muito próxima do Pink Plaid M.A.C. O bom do Pink Plaid é que por ser de acabamento matte, bem sequinho e firme, dura horrores, quase um lápis labial...
Usei os dois e gostei! A base matte faz o líquido durar mais, evita que escorra pelos cantinhos da boca.
Só pra esclarecer: quando falo de um produto nem sempre é na vibe “recomendo” ou “estou mostrando porque aaaameeei”. Sei que alguns posts ficam grandes e nem sempre todo mundo lê, eu entendo. Mas fiquem atentas para quando eu apenas MOSTRAR por mostrar. Não é propaganda, não é 5 estrelas no produto. Só papo casual de amiga, tipo: “olha amiga, comprei este batom aqui”...
Gosto de recomendar algo quando é realmente incrível, aquele tipo de produto que você compra e recompra.
Este Rosa Chá da Lacqua Di Fiori é uma opção barata. Mas nada insubstituível.

Beijo
Suzue

quarta-feira, 7 de novembro de 2012

5 Resenha express: One by One máscara, Maybelline



Faz uns dois meses ou mais que estou testando esta máscara. A "vermelhinha" da família Maybelline, One By One. Demorei para falar dela para ter uma opinião precisa (mentira, preguiça de tirar fotos mesmo...rs).
Este rímel (gosto de chamar assim, que nem cotonete...) é diferente dos outros da marca. Quem me acompanha sabe que gosto muito da amarelinha The Colossal, com promessa de dar volume e da verdinha Define-a-lash, com promessa de alongar. Fora que a roxinha The Falsies complementa tudo dando curvatura nos cílios, volume... Tem pra todos os gostos e necessidades particulares.
Independente da promessa da One By One de preencher fio a fio, o que vejo de ponto positivo nela é de ORGANIZAR os cílios, isto sim. Se você tem cílios que enroscam fácil, poderá se amarrar neste rímel. Mas se você tem poucos cílios e procura volume, talvez não seja uma boa pedida. Ela deixa o look básico para o dia a dia. (pelo menos em mim age assim)
O aplicador é bem gostoso, emborrachadinho. Achei o tamanho bom. Melhor que o aplicador da verdinha Define-a-lash.
Todo rímel novo é um drama (na verdade um NÃO-drama se é que me entendem): O produto é emoliente demais porque está “fresco” e não dá o volume que a vendedora deu na hora do teste. Lembrem-se: o rímel do provador está mais seco, espesso e cheio de bactérias. Por isso dá mais volume...Sabe o doce de leite da vó? Que assim que tira do fogo ela bate até ficar firminho? E depois que esfria, corta? Mais ou menos isso. Bateu, firmou, secou... Esturricar é que não dá ne... No caso do rímel, ele fica esfarelento, secar demais também não é legal. Empelota...
Vi com meus próprios olhos a vendedora aplicando a One By One em uma cliente e dando aquele "super volume" igual ao da Colossal. Mas não é bem assim...
Você pode se valer de seus truques para avolumar, mas saiba que rímel novo é assim mesmo. Com o tempo do SEU uso ele melhora. Há quem deixe ele aberto para secar um pouco, é uma dica. Eu uso em três etapas: ponta estilo carrapicho, raiz interna, raiz externa, muuuitas camadas... Nem curvex uso mais.
O que achei em mim da One By One, recompraria?

Definitivamente não. Ela é boa sim, gostosa de aplicar e tudo mais. A embalagem é fofa, divertida para ter na necessaire. Mas...
Efeito: Vejam pelas fotos que dá uma diferença sim. Mas como vivo na correria, não posso ficar aplicando “n” camadas, por isso a Colossal ainda será a número um, a que recompro sempre. Já estou na décima. Outra que eu gosto muito é a clássica azulzinha, Volume Express lavável.
Rímel é um produto que não se deve acumular. Dura três meses. Sigo a risca pois se estico me pinica.
É isso meninas, resenha feita, impressões pessoais. E vocês, já experimentaram a One By One? O que acharam?
Só para comparar: A Volume Express dá um efeito melhor em mim e sai por R$18,00 e a Colossal R$16,90.
A One By One custou R$28,00.